segunda-feira, 22 de Setembro de 2014

TUMULTO,REBELIAO,FUNCIONARIO DE REFEM E FUGA NA FUNDAÇAO CASA

Internos quebram móveis e provocam incêndio dentro da Fundação Casa

Balanço Geral SP

Adolescentes Recapturados apos fuga!!!!!!!!!!!!!!!!!

21/09/2014 10h24 - Atualizado em 21/09/2014 10h43

Polícia procura 14 menores infratores que fugiram da Fundação Casa em SP

Dos 17 adolescentes que escaparam, três foram recapturados no ABC.
Grupo rendeu funcionários durante rebelião em São Bernardo do Campo.

Do G1 São Paulo
A polícia de São Paulo procura por 14 dos 17 adolescentes infratores que na noite de sábado (20) fugiram da unidade 2 da Fundação Casa em São Bernardo do Campo, no ABC, onde estavam internados. De acordo com a assessoria de imprensa da entidade, três dos fugitivos foram recapturados pela Polícia Militar neste domingo (21). Não houve registros de feridos entre os internos e funcionários.
Os menores de 18 anos de idade escaparam após rebelião na unidade da Grande São Paulo. Durante o motim, que começou por volta das 21h de sábado, eles chegaram a manter seis funcionários reféns. Por duas horas, os adolescentes queimaram colchões e depredaram cadeiras do prédio onde cumprem medidas de restrição sócio-educativas.

Uma sindicância foi aberta pela Corregedoria Geral para apurar os motivos da rebelião e eventuais falhas de funcionários que não conseguiram conter o tumulto e evitar as fugas.  A unidade abrigava 64 infratores, número exato de sua capacidade.

sábado, 20 de Setembro de 2014

Após rebelião, internos da Fundação Casa fazem reféns no ABC

 
20/09/2014 21h51 - Atualizado em 20/09/2014 21h51

Após rebelião, internos da Fundação Casa fazem reféns no ABC

Parte dos menores infratores conseguiu fugir da unidade de São Bernardo.
Ao menos cinco funcionários foram feitos reféns.

Do G1 São Paulo
Parte dos internos da unidade de São Bernardo do Campo, no ABC, da Fundação Casa fugiu após uma rebelião na noite deste sábado (20), de acordo com informações da assessoria de imprensa da instituição para menores infratores. Outra parte que não conseguiu fugir fez ao menos cinco funcionários reféns.
Segundo a assessoria de imprensa da fundação, não há informações sobre o estado de saúde dos reféns e nem dos menores que participaram da rebelião. O total de fugitivos também não foi informado.
Equipes da Superintendência da Fundação Casa e da Corregedoria da Fundação Casa irão até a unidade de São Bernardo, no bairro Batistini, para tentar pôr fim à rebelião e obter a liberação dos funcionários. A Corregedoria deverá abrir uma sindicância para apurar as possíveis causas que resultaram no motim dentro da unidade.

sexta-feira, 19 de Setembro de 2014

DEPUTADO ANTONIO MENTOR DIZ QUE CORREGEDORIA SE TRANSFORMOU NUM INSTRUMENTO DE CASSAÇÃO POLITICA

Procurado hoje pelo Blog Agentes em Alerta 

por telefone para saber mais detalhes sobre 

a representação que ele e o deputado José 

Mentor estão ingressando contra a 

presidente da Fundação Casa e Contra a 

Corregedoria, fomos atendidos gentilmente 

pelo Deputado que nos deu uma declaração 

surpreendente.


Antônio Mentor revelou que ingressaria com a representação ontem quinta feira, porém adiou 

esta para terça feira dia 23/09 em função de ter recebido ontem mais uma denuncia que 

considerou extremamente grave.


Segundo Mentor, a corregedoria se transformou em um instrumento usado pelo Governo do 

Estado e pela Direção da Fundação para cassar os desafetos políticos, visto que, a 

fundação enviou telegrama convocando funcionário adoecido e afastado por problema de 

saúde em tom de coação.


Mentor se mostrou atônito e indignado com os dizeres do telegrama “ que o servidor só não 

estará obrigado a comparecer se comprovar que está totalmente incapacitado de se 

locomover ou com comprovação judicial de incapacidade civil”
O Deputado afirmou que o mais absurdo é que o servidor para o qual foi enviado o 

telegrama, 



está afastado pelo INSS por problemas em uma das pernas inclusive com laudos e exames 

de ressonância magnética, sendo que agora apresenta problemas na outra, inclusive já tendo 

apresentado laudo médico que determina seu afastamento por tempo indeterminado, e 

requerimento de exame de ressonância na outra perna.

Porém, o servidor por ser uma liderança entre os trabalhadores, e se opor a politica de 

privatização, a Fundação vem acelerando contra ele um Processo Administrativo que antes 

mesmo de terminar é visível que já tem uma decisão Politica de demissão e retaliação.
Segundo a assessoria Jurídica do deputado, é fundamental juntar estas provas e especificar 

este tópico, que fere frontalmente a legislação Pétrea e comprova de forma efetiva o abuso 

de poder da Direção e da Corregedoria da Fundação Casa e que feito este adendo 



ingressará terça feira dia 23 e vai requerer junto com o Deputado federal José Mentor uma 

reunião com o Procurador Geral do Estado, Procurador Geral do Trabalho e presidente da 

OAB – SP, para exigir urgência na apuração.



“ É nítido que Processos Administrativos estão sendo abertos contra as lideranças da 


Adriano Neiva, Leandro Aguiar, eu Munhoz junto a centenas de servidores em um dos maiores atos públicos da historia dos servidores  na campanha grevista 2014!!!!
categoria tem um cunho politico, e o pior é que a Direção estão acostumada ao abuso que 

nem se quer tenta disfarçar esta cassação”

Este tipo de atitude do Governo de São Paulo que esta representado pela Presidente da 

Fundação é pior do que era utilizado na ditadura Militar, pois tenta dar uma roupagem 

legaslista para atos arbitrários e abusivos do Estado, isso é autoritarismo puro e um atentado 

a Democrácia.”



“Usar a Corregedoria da Instituição como Instrumento de cassação Politica de Militantes e 

lideranças Sindicais além de absurdo é ilícito, pois se usa de um órgão tão importante na 

manutenção e zelo da máquina publica, como ferramenta de massacre aos desafetos 

políticos, o que é um crime” disse o deputado Antônio Mentor

È hora de a categoria dar um basta neste tipo de abuso, aproveitando que tem gente séria 

nos apoiando e colocar a boca no trombone e denunciar todos os abusos e absurdos que 

vem sendo praticado pela Direção da Instituição.

O jornalzinho do SindCasa já esta sendo distribuído nas unidades, vamos ler com atenção e 

seguir as orientações para que possamos dar um basta nisso e no peleguismo do Sitraemfa.

ATENÇÃO CLIK NO LINK ABAIXO E VEJA O JORNAL NA INTEGRA !!!!!!!!!!!!!!!!

CLIK E VEJA O JORNAL NA INTEGRA!!!

att

Michel George Munhoz contra opressão patronal